Beryl + Nvidia + Aiglx no Slackware 12

Depois de muito tempo pesquisando em foruns, sites, finalmente deu certo e sem ter que instalar o gnome, apenas prescisamos corrigir algumas dependêcias, para ter o beryl funcionando perfeitamente em seu Slackware.

Vamos preparar nosso material de guerra, você vai prescisa do driver atual da Nvidia e dos seguintes pacotes:

Dependências :

libwnck

pycairo

pygobject

pygtk

Beryl e Window decorators:

beryl-core-0.2.1-i686-3br.tgz

beryl-manager-0.2.1-i686-3br.tgz

beryl-settings-0.2.1-i686-3br.tgz

beryl-plugins-0.2.1-i686-3br.tgz

emerald-0.2.1-i686-3br.tgz

aquamarine-0.2.1-i686-3br.tgz

heliodor-0.2.1-i686-3br.tgz

Onde podem ser encontrados em sua versão três em formato padrão do slackware (.tgz), os seguintes pacotes foram compilados por Breier, usando os pacotes:

-> glibc-2.5

-> gcc-4.1.2

-> linux-2.6.21.2

-> gnome-2.18.1

-> xorg-1.3

-> python-2.5

Que iram funcionar perfeitamente tanto para o Slackware 11.0 quanto no Slackware 12.0, os pacotes podem ser encontrados no site: http://www.esnips.com/web/beryl-slack12/ , já compilado no slackware 12.0.0l. Temos também que baixar o driver atual da placa de video no site http://www.nvidia.com/object/unix.html, eu usei este NVIDIA-Linux-x86-100.14.11-pkg1.run.

Vamos iniciar:

1 º-Após ter tudo em mãos vamos inciar a instalação e compilação dos paotes, preimeiramente vamos a instalação do driver da placa de video:

#sh NVIDIA-Linux-x86-100.14.11-pkg1.run

2º – Configuração do seu xorg.conf, antes inicia vamos fazer um backup, se algo sair errado nos podemos voltar o anterior use a seguinte linha de comando:

#cp /etc/X11/xorg.conf /etc/X11/xorg.conf.$(date +%y%m%d-%H%M%S)

Ponto ele irá salvar seu xorg.conf, agora vamos configurar o seu xorg para funcionar AIXGL, usaremos o comando “nvidia-settings” com os seguintes parametros:

#nvidia-xconfig –composite

#nvidia-xconfig –allow-glx-with-composite

#nvidia-xconfig –render-accel

#nvidia-xconfig –add-argb-glx-visuals

Logo após, edite o xorg.conf.

#vi /etc/X11/xorg.conf

e na sessão Section “ServerLayout” adicione:

Option “AIGLX” “true”

Pronto para quem quiser dar uma olhada de como deve ficar a configuração segue, o que eu uso: Xorg.conf.

#glxinfo | grep -i direct

direct rendering: Yes

#glxinfo | grep GLX_EXT_texture_from_pixmap

GLX_EXT_texture_from_pixmap, GLX_ARB_multisample, GLX_NV_float_buffer

GLX_EXT_fbconfig_packed_float, GLX_EXT_texture_from_pixmap,

GLX_EXT_texture_from_pixmap, GLX_ARB_multisample, GLX_NV_float_buffer,

3º – Após a configuraçõa vamos a compilação das e intalação das dependências, segue a ordem de como deve ser feita a compilação

pycairo

pygobject

pygtk

Descompacte os pacotes, e use o a seguinte linha de comando, para compila-los e instala-los:

#./configure –prefix=/usr && make && make install

Faça isso nos três seguinto está ordem,

4º – Agora chegou a ves de instalar os pacotes em .tgz, entre na pasta onde foi feita o download e execute o segunte comnando:

# installpkg *.tgz

5º – Pronto tudo instalado, agora vamos testar para ver se está rodando perfeitinho, vá no menu “K” -> “Sistema” -> “Beryl-manager”.

Você também pode criar um pequeno script para fazer todo o processo, use este que eu montei, adapte a sua necessidade:

echo “—————-INICIO———-”
echo ” DESCOMPACTANDO PYCAIRO ”
tar -zxvf pycairo-1.2.6.tar.gz -C /usr/local
clear
echo “——————–[OK]”
echo ” DESCOMPACTANDO PYGOBJECT ”
tar -zxvf pygobject-2.12.3.tar.gz -C /usr/local
clear
echo “——————–[OK]”
echo ” DESCOMPACTANDO PYGTK ”
tar -zxvf pygtk-2.10.4.tar.gz -C /usr/local
clear
echo “——————–[OK]”
clear
echo ” INICIANDO A COMPILAÇÃO E INSTALAÇÃO ”
cd /usr/local
cd pycairo-1.2.6
./configure –prefix=/usr && make && make install
clear
cd ..
echo “——————–[OK]”
cd pygobject-2.12.3
./configure –prefix=/usr && make && make install
clear
cd ..
echo “——————–[OK]”
cd pygtk-2.10.4
./configure –prefix=/usr && make && make install
clear
echo “- INSTALANDO PACOTES .TGZ – ”
installpkg *.tgz
clear
echo “——————–[OK]”
echo ” TUDO FEITO [OK] ”
echo ” INICIANDO BERYL ”
beryl-manager &
clear
echo “——————–[OK]”
echo “—————-FIM———————“

Salve com o nome de “INSTALL”, logo depois execute-o dentro da sua pasta com os pacotes ” sh INSTALL “, ele irá descompactar e efetuar a instalação dos pacotes e irá iniciar o beryl-manager, com isso irá simplificar sua vida em próximas intalações.

Agora vamos colocar o beryl para iniciar junto com o kde, crie o arquivo ~/.kde/Autostart/beryl-manager.desktop, e coloque esse conteúdo.

[Desktop Entry]
Comment=
Comment[fr]=
Encoding=UTF-8
Exec=beryl-manager –no-force-window-manager –no-force-decorator
GenericName=
GenericName[fr]=
Icon=
MimeType=
Name=
Name[fr]=
Path=
StartupNotify=false
Terminal=false
TerminalOptions=
Type=Application
X-DCOP-ServiceType=none
X-KDE-SubstituteUID=false
X-KDE-Username=
X-KDE-autostart-after=kdesktop


Salve o aquivo e dê permissão de execução:

# chmod +x ~/.kde/Autostart/beryl-manager.desktop

Pronto tudo deve funcionar perfeitamente, agora toda vez que iniciar o seu KDE, o beryl-manger se iniciará e irá carregar a última configuração feita, caso ele trave na inicialização na primeira execução, apague o arquivo de configuração com “rm -r ~/.beryl* “, “rm -r ~/.emerald*”. Para definir qual a plataforma de renderizamento que o beryl irá usar, clique com o botão direito no icone “Beryl-manager => Opções avançandas do beryl => Platarfoma de Renderização “ e escolha Nvidia, Aiglx ou Xgl se tiver o Xgl instalado no seu sistema.

Enfeitando seu desk com kiba-dock:

Para adiciona aquele menu flutuante para subtituir seu painel, baixe os seguintes pacotes;

kiba-dock-070216-4.3.i586.rpm
kiba-dock-devel-070216-4.3.i586.rpm

Do site de downloads do OpenSuse: DOWNLOAD

converta-os para tgz, e depois instale-os e já pode inicia-lo:

# rpm2tgz *.rpm

# installpkg *.tgz

# kiba-dock &

Pronto seu desktop bonito sem muito esforço, em menos de 10 minutos, o próximo será sobre o futuro do Beryl, o Compiz-Fusion, postei alguns screens no site para verem como ficou e tenho alguns videos, seguem os links:

Screnns: Você pode encontra na sessão “Galeria -> Screenshots “

Video: Video1, Video2

Fontes de pesquisa: Fórum SlackwareBR, VIVA O LINUX, e muito Google

Uma ideia sobre “Beryl + Nvidia + Aiglx no Slackware 12

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s